capa
Blog

Como trocar de hub de integração com tranquilidade e segurança

8 de junho de 2022 | 2 comentários

Quer saber como trocar de hub de integração sem colocar a sua operação de vendas em risco? É normal que o crescimento dos pedidos faça com que você precise de uma plataforma mais robusta e que atenda a sua demanda com maior eficiência.

O hub de integração é a principal ferramenta que precisa acompanhar seu crescimento, pois é por meio dela que você faz sua gestão de vendas em um só lugar. 

O hub certo precisa te dar segurança e visão em tempo real, ter indicadores certeiros para a tomada de decisão, oferecer um suporte disponível para resolver com rapidez qualquer imprevisto e, claro, promover agilidade na sua rotina. 

Sua preocupação é a dificuldade de trocar de hub de integração? Calma, vamos mostrar como isso pode ser feito com tranquilidade e segurança, sem que seja uma dor de cabeça.

como trocar de hub com anymarket

Como trocar de hub pode aumentar a sua competitividade

Os números positivos do e-commerce vem aumentado cada vez mais a concorrência no ambiente digital. Nesse cenário, uma boa forma de ganhar vantagem competitiva é aprimorar o sistema de vendas online com ferramentas que permitem escalar o negócio de forma sustentável.

Faça uma análise da sua realidade atual e avalie se os plataformas de gestão de vendas estão adequadas para as suas metas e para acompanhar o seu crescimento.

E se a conclusão for de que realmente é preciso mudar, como trocar de hub de integração? Será que vale a pena passar por esse processo?

Pensar em trocar de hub de integração pode gerar muitas dúvidas, afinal a migração de plataforma pode não ser um processo simples se você não tiver o suporte e apoio ideal do parceiro. Por isso, muitas empresas acabam protelando a decisão e, consequentemente, perdendo boas oportunidades de negócios.

Ter um sistema de vendas mais robusto e alinhado com as tendências faz toda a diferença na conversão de vendas. Uma operação automatizada e eficiente, com o mínimo de erros e resolução ágil de imprevistos, impacta diretamente na experiência do seu cliente.

Não é segredo nenhum que a experiência do usuário é fator chave para o sucesso de qualquer empresa de e-commerce, certo?

Então, como migrar de sistema, para um novo hub integrador com tranquilidade e segurança? Isso é possível e nós vamos explicar.

Pensando em tudo isso, separamos dicas de cuidados que devem ser adotados na migração das plataformas de e-commerce e também algumas funcionalidades que vão contribuir com o sucesso da migração.  Confira!

Com avaliar se devo fazer a migração de hub integrador?

Antes de indicar os procedimentos que devem ser adotados num processo de migração, vale ressaltar alguns pontos que precisam ser analisados antes de tomar a decisão. Destacamos 3 pontos importantes:

  • A migração vai aumentar a escalabilidade do seu negócio? Ter uma plataforma que limita o crescimento da operação não é uma estratégia inteligente. Afinal, para ter um negócio lucrativo e duradouro é precisa pensar no seu desenvolvimento a médio e longo prazo.
  • O seu sistema atual oferece os recursos necessários para assegurar a melhor experiência de compra para o usuário? O e-commerce evolui e não faz sentido ter um sistema que não responda as principais demandas do seu cliente.
  • Não deixe para realizar a mudança quando a situação já estiver insustentável. Ou seja, faça a migração antes de perder negócios. Faça a troca de hub de integração antes que o seu sistema atual esteja no limite de não sustentar mais as suas necessidades operacionais básicas.

Como tomar a decisão de trocar de hub com segurança

Decidir qual é o melhor momento para fazer a mudança com total segurança para a sustentabilidade do negócio é crucial para não colocar as suas vendas em risco.

Não podemos ignorar que cada empresa deve analisar o seu próprio contexto, mas é preciso ser realista: ter um planejamento consistente pode fazer muita diferença para o sucesso da migração.

É por meio da sistematização das informações, do contato transparente com o novo hub integrador e do apoio do time de implantação que se torna possível detectar eventuais dificuldades do processo e, a partir daí, agir para neutralizá-las.

O planejamento em conjunto também é fundamental para envolver e engajar a sua equipe no projeto. Todas as áreas da sua empresa precisam estar cientes da participação na troca de hub e do papel que vão desempenhar.

Quer ler mais? Neste outro artigo aqui, você confere o conselho de um implantador para obter sucesso na integração com marketplaces.

5 aspectos que você deve considerar para trocar de hub de integração

pessoa avaliando possibilidade de como trocar de hub de integração

1. Escolha o modelo ideal de plataforma

Para quem se decidiu pela migração de plataforma, um dos aspectos a ser considerado é o sistema. O mercado dispõe de diversas soluções, como On Premise, Open Source e SaaS.

Considerando que você busca estabilidade, segurança e escalabilidade, a plataforma SaaS (Software as Service) é a mais recomendadas. Um dos principais motivos é que o modelo é mais flexível para atender as duas demandas.

Com uma plataforma SaaS você paga um valor mensal para ter acesso, via web, ao sistema. Desta forma fica mais fácil, por exemplo, fazer as adequações necessárias para acompanhar o crescimento da sua operação em marketplaces.

Num processo de migração, que geralmente envolve a busca de uma plataforma mais eficiente, não faz muito sentido optar por um sistema fechado. Afinal, você está buscando flexibilidade para expandir as suas vendas de acordo com o seu planejamento, certo?

2. Avalie se o suporte do hub de integração é ágil

Um dos fatores que influenciam a mudança de sistema é a instabilidade da operação. Por isso, ao analisar as alternativas, é imprescindível considerar uma plataforma que tenha elevado SLA (Service Level Agreement).

As plataformas no modelo SaaS geralmente apresentam bons resultados nessa frente, até porque cabe ao desenvolvedor a responsabilidade de manter o sistema funcionando. Para isso, dispõe de uma equipe especializada para essa função.

Além disso, aqui estamos falando de crescimento e operações robustas precisam contar com um suporte ágil e disponível 24 horas. Quando você lida com um grande volume de vendas, qualquer erro operacional pode representar um enorme prejuízo.

3. Considere a segurança

Segurança é um fator indispensável no e-commerce. Ao escolher a migração de hub integrador você precisar avaliar a segurança oferecida pelo sistema e quais são os recursos oferecidos nessa área.

Com uma plataforma SaaS, com API aberta, é possível agregar novas soluções, contando com os parceiros mais adequados para cada situação. Também avalie com cuidado a questão das certificações internacionais, como SSL.

Ainda falando em segurança, as plataformas SaaS são atualizadas constantemente.  Com isso, eventuais bugs, brechas e outros tipos de falhas são monitorados constantemente e corrigidos rapidamente.

Essas características garantem uma migração mais segura entre os sistemas e uma operação mais tranquila no dia a dia. Você não quer ter a sua empresa exposta a riscos desnecessários.

4. Ganho de escala com a troca de hub integrador

Se a mudança de plataforma está sendo motivada para ganhar escala, as funcionalidades do modelo SaaS também são as mais adequadas. A tecnologia mais flexível permite o redimensionamento da estrutura de acordo com a necessidade do seller.

Esse tipo de recurso também é bastante útil para os períodos sazonaisque possuem maior demanda. Em datas comemorativas e eventos promocionais como a Black Friday e o Amazon Prime Day, você precisa contar com uma infraestrutura robusta e recursos que suportem o grande volume de pedidos registrados em pouco tempo.

Nada pior do que uma loja instável, justamente nos momentos em que pode aumentar as vendas!

5. Tempo de implantação

Quanto mais extenso for o período de migração, maiores são os riscos. Ter que lidar com dois ambientes paralelos por muito tempo pode virar uma dor de cabeça por sobrecarregar as equipes e, inclusive, prejudicar o fluxo de vendas.

Sendo assim, faça um bom planejamento com a equipe de implantação que realizará a troca do hub e não economize na realização de testes. Essas etapas são decisivas para que a migração e nova operação rodem sem problemas.

Muitas vezes, ao priorizar a agilidade, você pode acabar gerando problemas. Nesse sentido, também é essencial confiar na empresa que você está contratando. Converse com o time de implantação do hub e siga todas as indicações.

O desenvolvimento de boas soluções de e-commerce exige conhecimento especializado, dedicação e investimentos. É essencial buscar ferramentas que possuem histórias de sucesso nos marketplaces, know how e uma boa reputação no mercado.

Funcionalidades que ajudam a trocar de hub com tranquilidade

O processo de troca de hub pode ser muito mais tranquilo se você puder contar com algumas funcionalidades de automatização que agilizam e facilitam a migração.

Abaixo listamos alguns desses recursos para você entender como eles podem ajudar:

Vinculação de anúncios em massa 

Realize a vinculação dos seus anúncios já existentes pelos SKUs e não perca seu histórico de vendas nos marketplaces.  

Importação e atualização de produto via planilha

Centralize tudo em planilhas e tenha plena organização no seu processo de migração. 

Painel de monitoramento para tratar falhas

Monitore qualquer falha de integração vinda das APIs bem como as correções feitas pelos SBOTs. 

Processo de implantação assistido

Configure sua loja aos marketplaces com o acompanhamento de um gerente de projeto especializado que acompanha de perto a sua migração. 

Suporte segmentado

De acordo com a sua necessidade e sua integração com apoio de um especialista na integração com capacitações em regras de negócio, não apenas no produto, mas também ao marketplace. 

Todas essas funcionalidades são destacadas pelo hub integrador ANYMARKET. A plataforma é referência no mercado de vendas em marketplaces por sua infraestrutura robusta e estável.

O atendimento e suporte da plataforma também são pontos destacados pelos seus clientes. Veja no vídeo como funciona o suporte do ANY:

 

Conclusão

Trocar de hub de integração é um processo muito importante que impacta diretamente nos seus resultados. Por um lado a migração precisa ser fluída e segura para não colocar as suas vendas em risco. Por outro, a troca de plataforma fará toda a diferença no desenvolvimento do seu negócio a curto, médio e longo prazo.

Tomar a decisão certa requer pesquisa, planejamento e, principalmente, confiança no parceiro que irá acompanhar a sua jornada.

Encontrou as respostas que procurava, não perca mais tempo. Comece o quanto antes a escalar o seu negócio online com ferramenta que proporcionam tranquilidade para expandir a operação como você deseja.

Está na hora de você ter um hub de integração que possa crescer com a sua marca. Vocês está preparado? Entre em contato com a equipe do ANYMARKET para encontrar a solução ideal para o seu negócio!

banner para migrar pro any

Compartilhe esse artigo:

<<