Blog

Encontrando o melhor Marketplace para sua Indústria

23 de setembro de 2019 | Nenhum comentário

Encontrar o marketplace certo para sua indústria não é uma tarefa fácil, certo? Existem inúmeras opções e cada uma trabalha com um público específico. Por isso, uma escolha equivocada nessa hora pode determinar o sucesso ou fracasso de suas vendas online.

Só é possível ter anúncios otimizados, estar no topo das páginas de pesquisa e aumentar suas vendas se o meio em que o consumidor encontra seus produtos esteja bem alinhado com o público que você quer atingir.

Para te ajudar na busca da melhor vitrine para seus produtos vamos falar sobre algumas opções disponíveis e quais as vantagens que cada uma trás para seus produtos.

Os marketplaces no Brasil

Atualmente, o maior marketplace do Brasil é o Mercado Livre, com mais de 60 milhões de produtos em seu site.

Mercado Livre

 Um dos seus diferenciais é que ele é o que chamamos de marketplace puro, isso porque diferente da maioria ele não anuncia propriamente nenhum produto, apenas vendedores cadastrados na plataforma.

O que é permitido vender no Mercado Livre?

A variedade de produtos permitidos nesse marketplace é muito grande, praticamente infinito.

Um ponto positivo do ML também é a facilidade em cadastrar um produto – basicamente você precisa criar uma conta e cadastrar o item que deseja vender, esse processo não leva mais que 5 minutos.

Por ser o maior marketplace da América Latina, o Mercado Livre é um dos sites que possui mais visitas na internet, por isso foram criadas diversas soluções que facilitam a experiência do usuário e tornam a jornada de compra mais simples e prazerosa.

Magazine Luiza

Esse marketplace é pioneiro em vendas online no Brasil. Conhecido por ser uma empresa moderna e organizada, Magazine Luiza pode ser considerado o primeiro comércio eletrônico do mundo.

Seu comércio online possui as melhores comissões do mercado e seu foco principal é a venda de móveis e eletrônicos, mas mesmo assim é possível anunciar outros tipos de produtos.

Se você possui uma indústria com foco no segmento de limpeza, petshop, beleza, uma boa alternativa é se cadastrar na Magazine Luiza – que há pouco tempo lançou uma nova integração chamada Mercado, onde é possível vender esses diferentes tipos de produtos.

Grupo Netshoes

Esse grupo engloba os marketplaces Netshoes e Zattini. Presentes no Brasil, Argentina e México, com mais de 20 milhões de clientes. Netshoes é considerado o maior marketplace da América Latina com foco em produtos esportivos. Zattini possui foco em produtos de moda e beleza.

Sua loja virtual possui integração com lojas físicas (Omnichannel), possibilitando o consumidor comprar no online e realizar a retirada em loja física.

O marketplace também possui diversas ferramentas que melhoram a experiência do usuário, como por exemplo o provador virtual – você coloca sua altura, peso e idade e o site calcula qual seria o tamanho ideal de determinada roupa para você.

O marketplace para sua indústria

Acabamos de falar do principais marketplaces no Brasil. Eles são muito grandes, possuem um público enorme e com certeza uma boa alternativa para muitas indústrias.

Mas não são os únicos, existe uma infinidade de marketplaces que também podem ser vantajosos para suas vendas online.

Com a internet, todo tipo de produto consegue achar sua linha de consumidor e por isso a cada dia são criados novos marketplaces para suprir necessidade de um mercado pulsante e crescente.

Aqui temos uma lista de todos os marketplaces integrados ao ANYMARKET.

Conclusão

Encontrar os melhores canais para vender seus produtos de sua indústria não é uma tarefa fácil. É preciso estar focado e ter muito bem definido qual o público que você pretende atingir.

 Por isso, vários marketplaces acabam por diversificar sua gama de produtos, tornando mais abrangente o leque de opções para indústrias venderem.

Caso você venda online ou está se planejando para começar, não deixe de conhecer o ANYMARKET, o hub de integração que amplia suas vendas com total segurança e estabilidade

Compartilhe esse artigo:

Comentários

comentarios