Blog

A Black Friday no Brasil será em setembro?

1 de agosto de 2019 | Nenhum comentário

Vemos novamente uma discussão sobre a data da Black Friday. A sexta-feira de descontos sempre foi alvo de críticas dos lojistas, em especial dos lojistas de varejo físico. Isso acontece por conta da Black Friday ocasionar uma antecipação das compras de final de ano. Você provavelmente já ouviu algum lojista dizer que não gosta da Black Friday pois, graças à ela, “o consumidor deixa de gastar no Natal”.

Antes dessa data ser vista como oportunidade no Brasil, a principal data que tínhamos tanto no comércio físico quanto no comércio eletrônico era justamente o Natal em 25 de dezembro.  

Essa polêmica motivou os gigantes do varejo físico a tentarem mudar a data da Black Friday em 2018. A ideia era de passar a BF para setembro, afastando as grandes promoções do mês de véspera natalina. Veja a discussão completa sobre a mudança de data da Black Friday em 2018.

A questão motivadora desse artigo é que, novamente em 2019, vemos uma discussão sobre a sexta-feira ideal para a Black Friday. Porém, agora é fato: teremos uma verdadeira mudança, mas não exatamente de data. Continue lendo para entender.

Black Friday x Natal

Entre o final de 2015 e o início de 2016, as vendas de Natal respondiam por 34% dos negócios feitos por hipermercados e varejistas de eletroeletrônicos no Brasil, por exemplo. Um ano depois, a Black Friday passaria a absorver 38% dos negócios, enquanto o Natal caiu para 29%. 

Hoje a Black Friday representa um crescimento maior que o Natal. Por exemplo, no ano de 2017 o crescimento da sexta-feira de descontos foi de 9%, enquanto que a data do bom velhinho, o Natal, foi de apenas 3%. 

Ou seja, fica evidente a insatisfação de alguns lojistas com a data escolhida para acontecer o evento no Brasil. 

Novas ofertas vêm por aí

Mas, surgem rumores de que a nova data da Black Friday seria em setembro. Isso porque o próprio governo, junto a órgãos como o IDV, o instituto do varejo, em São Paulo, e a Secretaria de Comunicação Social (SECOM) estaria planejando a “Semana do Brasil”, que pode ter incentivos do governo em impostos como o ICMS e o IPI, facilitando assim, os descontos oferecidos ao consumidor. Além da Secom, empresários como Flavio Rocha (Riachuelo), Roberto Fulcherberguer (Via Varejo) e Marcelo Silva (Magazine Luiza) também participaram desse encontro, a fim de discutir o assunto. 

A dúvida então seria, a Black Friday vai mudar a data no Brasil? 

Fica bem nítido que não. É importante reforçar que essa nova data não tem relação com a Black Friday, seria uma nova data acordada entre governo e o varejo para oferecer melhores preços aos consumidores e otimizar as vendas no mês de setembro que, geralmente, não representa um volume tão alto.  

Conclusão

Estamos falando de um incentivo ao consumo no varejo brasileiro. 

Dessa forma, a Black Friday deve acontecer normalmente esse ano. Está programada para o dia 29 de novembro, pois a data já tem uma excelente visibilidade e muitas empresas já se programaram para atender a demanda com muitos descontos, e deve representar novamente um crescimento ainda maior, comparado ao ano passado que foi de 9,4%. 

Sobre o autor

Leandro Ratz é Responsável pelo sucesso dos clientes no ANYMARKET. Tem experiência com varejo, e-commerce e marketplace, com atuação direta em grandes lojistas e como consultor de marketplace para grandes marcas.

Atualmente está no ANYMARKET, responsável pelas contas estratégicas na plataforma.

Formado em Gestão Comercial pela UNIFAJ – Faculdade de Jaguariúna, no interior de São Paulo, com especialização em Omni Channel para o Varejo pela VTEX – The True Cloud Commerce Platform.

Compartilhe esse artigo:

Comentários

comentarios