Blog

O espaço para indústrias em marketplaces no Brasil

2 de setembro de 2019 | Nenhum comentário

Marketplaces têm sido a alternativa inteligente para inúmeros e-commerces no Brasil e no mundo. Com o surgimento de novas ferramentas e novos espaços para sellers, temos um movimento de crescimento muito forte de indústrias em marketplaces.

Agora você pode ouvir esse artigo! Aproveite o player abaixo para conferir a leitura do conteúdo:

Hoje, o comércio em marketplaces corresponde a 5% do varejo sem o B2B, e com todo esse crescimento surge também espaço para industrias entrarem na jogada. Afinal, uma fatia tão grande de mercado é dificilmente deixada de lado por grandes empresas.

‘’É preciso que indústrias olhem para margens dos marketplaces com muita atenção, já que não é a indústria que vai gerir isso, vai passar para algum distribuidor, e por isso é preciso ter cuidado com a política de preço, conflito de canais, entre outros pontos que existem por trás da venda nos marketplaces.’’

André Santos – Supervisor Comercial da Mercado Envios

Indústrias – por que vender em marketplaces?

Adotar essa prática pode trazer vários benefícios para indústrias, indo muito além de receita pela venda diretas ao consumidor.

 É claro, existe um potencial imenso de geração de receita para industrias em marketplace no Brasil, mas mais que isso, a aproximação de um mercado novo e moderno as deixa um passo à frente a modernização estrutural de sua empresa.

O que quero dizer com isso?

Nos dias de hoje, estar presente no meio online é o passo essencial para se manter competitivo no mercado.

 Nos próximos anos o crescimento de receita movimentada nesse meio deve crescer muito, e com isso, cada vez mais consumidores irão preferir consumir através de plataformas online.

 Por isso, para qualquer empresa que deseja se manter atual e competitiva é muito importante entrar nesse mercado, e quanto antes entrar, mais familiarizado e preparado para essas situações estará.

A importância de uma estratégia bem definida

Entender a precificação, gestão de fretes e conciliação entre plataformas são aspectos importantes ao começar a vender online. Muitas coisas acabam sendo parecidas entre o físico e virtual, mas mesmo assim o vendedor não pode deixar passar por despercebido nenhum desses pontos, pois são eles que vão gerar o diferencial da marca e com isso torná-la bem-sucedida.

A indústria depende de volume de produção para ter baixos custos. Esse volume, junto com um giro rápido de estoque não é possível de ser feito por meio de vendas ao varejo, assim, é preciso fazer vendas B2B.

Quando pensamos em quais são os segmentos que mais se enquadram nas vendas em marketplaces vemos indústrias que desenvolvem produtos para o consumidor final, como roupas, móveis, e outros bens de consumo.

Isso é mais um potencial para vendas do que um limitador, uma das vantagens de vender online é grande diversificação de público que pode ser atingida. Como seu produto está disponível na internet, qualquer pessoa com algum tipo de interesse consegue facilmente encontra-lo.

Essa questão está muito associada a ter uma boa presença online, uma marca forte e uma boa equipe por trás de seus anúncios, atendimento e suporte ao cliente.

Mas isso fica para um próximo artigo, certo?

Conclusão

O crescimento de indústrias em marketplace é tendência em todo o mundo, por isso as indústrias devem estar atentas e preparadas para se inserirem nesse mercado. Ainda há tempo e quem estiver consciente desse crescimento com certeza terá vantagens em relação aqueles que não estão se atualizando.


Compartilhe esse artigo:

Comentários

comentarios