vender moda e acessorios online
Blog

Dicas para vender moda e acessórios online e conquistar o consumidor

23 de março de 2022 | 1 comentário

Vender moda e acessórios online envolve muita dedicação e empenho. Ainda que o mercado esteja aquecido pelos excelentes resultados do setor nos últimos anos, ainda há muitos desafios. Um dos principais é escolher a melhor estratégia para ganhar esse espaço no closet do consumidor, que encontra tantas opções online.

Por isso, hoje vamos passar algumas dicas para  melhorar as suas vendas de moda online, seja em uma loja virtual própria ou nos marketplaces. Preparamos 4 dicas valiosas para você melhorar o relacionamento com o cliente e potencializar a sua operação. Vem conferir!

Como vender moda e acessórios online com o máximo de eficiência

sobre vender moda e acessórios nos marketplaces

A moda possui ciclos de coleção com intervalos cada vez menores entre seus lançamentos. Acompanhar esse ritmo é o grande primeiro desafio de anunciar online.

O investimento para gerar conteúdo no segmento, por exemplo, costuma ser alto. Afinal, você precisar fotografar diversos modelos de produtos que compõem uma coleção e buscar o máximo de detalhes para aumentar a confiança do consumidor.

Desenvolver uma descrição detalhada dos produtos com o máximos de informação é essencial para que o cliente se identifique e escolha a sua marca. Isso requer um trabalho elaborado, preferencialmente, de um especialista.

Veja também: Logística reversa de moda: como transformar desafios em oportunidades no e-commerce

Teste opções de produtos e tipos de anúncios

Não é uma tarefa fácil equalizar esses custos, mas há alternativas e no final a conta fecha. A dica aqui é escolher alguns modelos da coleção e testar.

Uma das vantagens do universo digital é a possibilidade de fazer testes e medir os resultados rapidamente. Com esses resultados você pode mudar a sua aposta.

Uma boa escolha é alternar os produtos com maior evidência e você pode fazer isso com apenas alguns clicks. Normalmente, a resposta do mercado às mudanças aparece na mesma velocidade. Se o anúncio agradar, o resultado da venda é imediato.

Experimente o cross selling

Especialistas indicam que o ramo da moda responde bem ao cross selling com outras categorias. Se você tem a possibilidade de usar essa estratégia, não poupe esforços. Turbine a composição do carrinho de compras do cliente para vender moda e acessórios online com maior eficiência.

Por exemplo: em um marketplace conhecido pela venda de eletroeletrônicos, o consumidor que entra para comprar um drone pode ser impactado por uma ação de um kit de cuecas. Ele pode adicionar esse kit no carrinho para aproveitar a compra e o parcelamento.

A prática de montar kits nos marketplaces aumenta a conversão de vendas pois o consumidor vê vantagens não somente no preço, mas também no custo do frete.

Como há um aumento do ticket médio, o valor do frete fica menor em relação ao preço do produto. Ou seja, o frete pago é praticamente o mesmo valor da compra se fosse com um produto único comparado com o pedido de um kit.

Saiba mais: Como melhorar a estratégia comercial vendendo kit de produtos em marketplaces 

Por isso, teste sem medo a lista de produtos em destaque no seu e-commerce e experimente a estratégia de cross selling. Tanto em lojas virtuais como em marketplaces essas é uma ótimas tática para vender produtos de moda online.

Como estreitar o relacionamento com o cliente vendendo moda e acessórios online

Quando pensamos em relacionamento entre marca e cliente, a credibilidade e a personalização da experiência são as chaves para conquistar o público.

Leia abaixo 4 dicas de personalização para aproximar o relacionamento com seus clientes:

1 – Crie pesquisas para conhecer a opinião dos clientes

O universo ideal de todo negócio é conseguir oferecer exatamente o que o consumidor deseja. Esse é o melhor jeito de vender, construir confiança e conquistar a recompra.

A criação de uma buyer persona (perfil do consumidor) é essencial para as suas estratégias e para mapear esse perfil. Faça pesquisas com o seu público e, se possível, contrato alguém especializado no assunto. O resultado valerá a pena.

2 – Trabalhe sua comunicação por e-mail

Criar uma base de email é uma das coisas mais importantes para um e-commerce manter contato com os consumidores. Porém, tenho muito cuidado para não cair na caixa de spam: não use apenas tom comercial nos emails e tenha uma boa estratégia de funil.

Os emails devem prover conteúdo de valor para o consumidor. Quando você envia conteúdos que condizem com as necessidades e criam soluções para seus consumidores, o relacionamento próximo é garantido.

Conheça histórias de sucesso no nicho de moda: 4 dicas para vender em marketplaces – cases de sucesso 

3 – Reduza o esforço do consumidor e aumente a experiência

A usabilidade é indispensável para manter o engajamento em seu e-commerce. É importante que não seja complicado pesquisar produtos, encontrar respostas para perguntas ou até mesmo fechar a compra.

Ofereça uma interface fácil de navegar, com conteúdos que eduquem o cliente e ofereça o máximo de informações sem prejudicar a usabilidade. Não se esqueça de otimizar seu e-commerce para a navegação mobile.

4 – Ao vender moda e acessórios online, personalize ao máximo

O histórico de compras de um cliente é uma mina de ouro quando falamos de personalização. Analisando esse histórico, você pode personalizar a experiência do cliente e oferecer produtos relacionados às últimas compras.

Usando o Analytics, você pode ver quais foram os produtos mais pesquisados pelo consumidor. As principais plataformas de marketplace também oferecem ferramentas para obter esses dados. Com essas informações, a criação de campanhas específicas se torna mais fácil e assertiva.

E nos marketplaces, como conquistar o consumidor?

Os próprios marketplaces já passam a credibilidade que o consumidor busca, e esse é um dos grandes diferenciais em vender nesses canais.

O seller adquire a chancela da loja marketplace que está divulgando o produto. De qualquer maneira você não deve descuidar das ações de marketing. Mesmo nesses canais, crie estratégias para gerar confiança na marca e fidelizar o cliente.

Uma estratégia interessante é fazer a expedição do pedido e o tracking de forma excepcional. O consumidor online é muito mais ansioso e todos parecem sofrer da mesma doença que foi apelidada no mercado como “Síndrome do Rastreador”.

Assim que o cliente finaliza a compra, ele quer saber o código de rastreio e acompanhar a entrega de perto. Ofereça esse código com agilidade e ajude o consumidor a fazer a jornada de espera.

Conclusão

Para atender um público exigente, que requer uma excelente experiência de compra, é preciso acompanhar tendências. Você precisa focar tanto nas formas de comunicação, estratégias e melhores ferramentas de apoio que garantam uma operação mais eficaz.

Ao melhorar todo o processo de vendas você ganha tempo para se dedicar ao relacionamento e à experiência do cliente. Assim, os resultados de vender moda no e-commerce melhoram dia a dia.

Tenha tudo sobre vender moda e acessórios online em um e-book gratuito

Quer ter um e-book gratuito com mais dicas como essas e todos os detalhes para vender moda e acessórios online com muito mais eficiência?

Você encontra no conteúdo feito em parceria pelo hub de integração ANYMARKET e a Hubsales. Faça o download gratuito clicando no banner abaixo!

banner baixar ebook vender moda online

Compartilhe esse artigo: