Vender moda e acessórios nos marketplaces é uma missão que envolve muita dedicação. Não que seja difícil convencer o consumidor: só em janeiro de 2019, o Brasil vendeu $16 bilhões em roupas e acessórios. As pessoas querem renovar o look sem sair de casa! O desafio está em escolher a melhor estratégia para ganhar esse espaço no closet do consumidor, que encontra tantas opções online.

Por isso, hoje vamos passar algumas dicas para que você saiba vender roupas e acessórios nos marketplaces, sendo realmente próximo do seu cliente!

Anote as dicas:

Como vender roupas em marketplace e e-commerce?

Quando falamos de roupa falamos de moda! E moda possui ciclos de coleção com intervalos cada vez menores entre seus lançamentos. Aqui está o grande primeiro desafio de vender moda em uma loja virtual. O investimento para gerar conteúdo para moda é alto. Fotografar diversos modelos de produtos que compõem uma coleção possui um custo alto.

Desenvolver uma descrição detalhada dos produtos com informações importantes para que o consumidor se identifique com o produto demanda horas de especialistas.

Não é uma tarefa fácil equalizar esses custos, mas há alternativas e no final a conta fecha. A dica aqui é escolher alguns modelos da coleção e testar! Uma das coisas atraentes do mundo digital é que você pode mudar a sua aposta, mudar o produto que deseja colocar em evidência com apenas alguns clicks e a resposta do mercado às mudanças vem na mesma velocidade. Se o produto agradar ao mercado, o resultado da venda é imediato.

Experimente o cross selling

Uma outra dica é que moda responde bem ao cross selling com outras categorias. Moda pode ser trabalhada como segunda categoria na composição do carrinho de compra.

Por exemplo: em um marketplace conhecido pela venda de eletroeletrônicos, o consumidor que entra para comprar um drone pode ser impactado por uma ação de um kit de cuecas. Ele pode adicionar esse kit no carrinho para aproveitar a compra e o parcelamento.

A prática de montar kits nos marketplaces aumenta a conversão de vendas pois o consumidor vê vantagens não somente no preço, que em alguns casos são mais atraentes, mas também em relação ao custo do frete. Como há um aumento do ticket médio, o valor do frete fica menor em relação ao preço do produto. Ou seja, o frete pago é praticamente o mesmo valor da compra se fosse com um produto único comparado com o pedido com um kit.

Na base de clientes da Hubsales, do total das vendas do mês, em média 24% é de kits vendidos.

Por isso, teste sem medo a lista de produtos em destaque no seu e-commerce e experimente a estratégia de cross selling, tanto para e-commerce quanto para marketplaces! Essas são ótimas táticas para vender produtos de moda online.

Como estreitar o relacionamento entre sua marca e o consumidor

Quando pensamos em relacionamento entre marca e cliente, a credibilidade e a personalização da experiência são as chaves para conquistar o público.

Leia abaixo 4 dicas de personalização para aproximar o relacionamento com seus clientes:

1 – Crie pesquisas para conhecer a opinião dos clientes

O universo ideal de todo negócio é conseguir oferecer exatamente o que o consumidor deseja. Esse é o melhor jeito de vender, construir confiança e conquistar a recompra. A criação de uma buyer persona (perfil do consumidor) é essencial para as suas estratégias, e para mapear esse perfil, envie pesquisas aos clientes!

2 – Trabalhe sua comunicação por e-mail

Criar uma base de email é uma das coisas mais importantes para um e-commerce manter contato com os consumidores, construir rapport (relação de empatia) e, claro, vender! Porém, é preciso tomar cuidado para não cair na caixa de spam: cuide para que nem todos os seus emails sejam de tom comercial.

Os emails devem prover conteúdo de valor para o consumidor. Quando você envia conteúdos que condizem com as necessidades e criam soluções para seus consumidores, o relacionamento próximo é garantido.

3 – Reduza o esforço do consumidor e aumente a experiência

A usabilidade é indispensável para manter o engajamento em seu e-commerce. É importante que não seja complicado pesquisar produtos, encontrar respostas para perguntas ou até mesmo fechar a compra. Ofereça uma interface fácil de navegar, com conteúdos que eduquem o cliente e, se possível, tenha um portal para o cliente encontrar mais informações. Não se esqueça de otimizar seu e-commerce para a navegação mobile!

4 – Personalize o que puder

O histórico de compras de um cliente é uma mina de ouro quando falamos de personalização. Analisando esse histórico, você pode personalizar a experiência do cliente em seu e-commerce, oferecendo produtos relacionados às últimas compras. Usando o Analytics, você pode ver quais foram os produtos mais pesquisados pelo consumidor. Com essa informação, a criação de campanhas específicas se torna mais fácil e assertiva.

E nos marketplaces? Como conquistar o consumidor?

Os próprios marketplaces já passam a credibilidade que o consumidor busca, e esse é um dos grandes diferenciais em vender nesses canais. O seller adquire a chancela da loja marketplace que está divulgando o produto. Mas existem sim ações em que o seller pode trabalhar para dar segurança e fidelizar o cliente.

Uma delas é fazer a expedição do pedido e o tracking de forma excepcional. O consumidor online é muito mais ansioso e todos parecem sofrer da mesma doença que foi apelidada no mercado como “Síndrome do Rastreador”. Assim que ele finaliza a compra ele entra via algum canal de comunicação, já questiona sobre o código de rastreio. E a única forma de acalmá-lo é fornecendo esse código com agilidade!

A taxa de recompra de moda em marketplaces ainda é baixa. Segundo os números da Hubsales, essa taxa corresponde a 8,15%. Isso indica uma grande oportunidade de reverter esse cenário ao fazer a primeira entrega com excelência.

Tenha tudo sobre vender moda online em um ebook grátis

Tudo o que você leu aqui está aprofundado no ebook que fizemos em parceria com a Hubsales! O download é gratuito e você fica com um pdf completo do seu segmento, para acessar sempre que quiser.

Para baixar, é só clicar abaixo e preencher seu e-mail ativo para receber o material por lá.

QUERO MEU EBOOK SOBRE VENDER MODA

Conclusão

Para um público tão exigente em questão de experiência, é preciso se manter atualizado para novas formas de comunicação, além de estratégias e ferramentas que te ajudem a vender com mais praticidade. Tendo facilidade de entender todo o processo das suas vendas, você ganha tempo para se dedicar a personalizar a experiência do seu cliente. Vender moda fica mais fácil!

Nós do ANY focamos justamente nisso: integramos tudo o que você precisa saber, de todos os marketplaces que você vende, para não ter que acompanhar os painéis um por um. Além disso, você confere várias funcionalidades para anunciar e responder perguntas com mais segurança e dinamismo. Vem saber mais sobre o ANYMARKET!

Compartilhe esse artigo: